top of page
Buscar

Idolatria não é amor!

"Ele/a é o amor da minha vida!"; "eu não consigo viver sem ele/a."; "Ele/a é a razão do meu viver"; "eu não sou nada sem ele/a". Quantas vezes você já ouviu alguém dizendo alguma dessas frases ou algo parecido com elas? Hoje em dia, é muito fácil as pessoas se apaixonarem e começarem a ter pensamentos como os expressos nessas frases. Entretanto, não percebem o perigo desse "amor"!


Nós vivemos em uma sociedade imediatista, em que tudo precisa acontecer de forma rápida e intensa; e acabamos fazendo o mesmo com o amor. Isso não significa que seja errado amar de forma intensa, mas também não é certo dizer "eu te amo" sem amar por conta do momento, assim como não é certo fazer da pessoa o seu ídolo e centro do seu coração.


Não podemos confundir amar muito alguém com idolatrar essa pessoa. Se o que sentimos pela pessoa nos tira o foco de Deus, nos afasta do nosso tempo com Ele e passa a ocupar o lugar dEle em nosso coração, precisamos reavaliar nosso sentimento e nos perguntar se a pessoa já não virou um ídolo em nossa vida.


Em 1 Coríntios 13: 4-7, vemos a forma como devemos amar alguém de forma saudável e correta diante do Senhor. Sendo assim, se você está em um relacionamento, avalie o seu coração e veja se o amor que está sentindo pela pessoa agrada a Deus. E se você ainda não está em um relacionamento e deseja isso, cuide do seu coração para que o amor não se torne um ídolo.


E lembrem-se que, o lugar de Deus em nossa vida e em nosso coração deve ser único, pois só Ele preenche aquilo que tanto buscamos ao amar outro alguém.



15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page