top of page
Buscar

Vale a pena se preocupar?

A preocupação é um dos problemas que mais afeta as pessoas atualmente. Ela surge repentinamente e leva consigo nosso sono, alegria e energia.


A preocupação em si demonstra um cuidado ou interesse em algo ou alguém, porém, quando esse sentimento sai do controle de forma que deixamos de lidar com ele piedosamente, damos brecha para o pecado!


Dessa maneira, nosso coração pecaminoso é revelado, pois permitimos que as situações que nos afligem consumam o tempo que deveria ser dedicado a Deus. Em Mateus 6.19-34, um trecho do Sermão do Monte, Jesus encoraja seus seguidores a desprenderem-se das preocupações terrenas e a buscarem um relacionamento mais profundo com Deus, acreditando que, ao fazermos isso, nossas necessidades serão supridas, já que Deus, e somente Ele, é o antídoto para a ansiedade e a preocupação.


Mesmo assim, às vezes, deixamos que a preocupação saia do controle, colocamos ela como centro da nossa vida e passamos a confiar em nós mesmos ao invés de usufruir do descanso que Deus nos proporciona. Com isso, passamos a idolatrar as situações que nos preocupam, dedicando mais tempo a elas do que investindo no Reino de Deus, como diz em Mateus 6.19-20:


"Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam. Mas acumulem para vocês tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam. Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração.’’


Logo, aquilo que depositamos nosso tempo é o que governará nossas vidas! Jesus nos ensina o quanto se preocupar com as coisas terrenas, como trabalho, casamento e dinheiro, nos leva a correr atrás do vento, de algo que é perecível e que pode ser roubado e destruído com o tempo. E Ele nos conforta dizendo que, ao fixarmos nossos olhos nas coisas do alto, teremos a esperança de que Deus está cuidado de nós e de que Ele nos capacitará com as ferramentas necessárias para enfrentar toda e qualquer situação.


Apesar da preocupação ser algo inevitável em nossas vidas, não temos poder para resolvermos ela sozinhos ‘’Quem de vocês, por mais que se preocupe, pode acrescentar uma hora que seja à sua vida? ‘’ (Mateus 6.27). Por isso, nosso Pai Celestial, que sabe daquilo que precisamos, certamente nos ajudará com essas situações no dia a dia.


‘’Portanto, não se preocupem, dizendo: ‘Que vamos comer?’ ou ‘que vamos beber?’ ou ‘que vamos vestir?’ Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas. Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas.‘’ (Mateus 6.31-33)


O que podemos fazer então? Nós precisamos buscar, em primeiro lugar, o Reino de Deus (Mateus 6:31-33), e também lutar diariamente contra o nosso coração pecaminoso que nos encoraja a ficarmos preocupados com coisas que não dependem de nós. Confie no Senhor e entregue a Ele toda e qualquer preocupação que te aflija. Depois, descanse, sabendo que Aquele que é Soberano sobre toda Terra está cuidando de você!

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page